Matrículas para Projovem Urbano seguem abertas após prorrogação de aulas

Continuam abertas as matrículas para o Projovem Urbano em Maceió. O prazo, que findaria no dia 13 de julho, foi prorrogado até o dia 16 de julho, quando, segundo previsão do Ministério da Educação (MEC), as aulas deverão iniciar. As matrículas podem ser feitas na sede da Secretaria Municipal de Educação (Semed), no bairro da Cambona, e nos colégios Selma Bandeira (Benedito Bentes I) e Paulo Bandeira (Benedito Bentes II), onde há, também, oferta de aulas para o Programa.

Além dos colégios no Benedito Bentes, o Projovem Urbano acontece em outras quatro unidades de ensino da cidade. São elas a Escola Nosso Lar I, no bairro da Levada; Escola Municipal Pio X, no Prado; Escola Municipal Doutor Balthazar de Mendonça, no Jacintinho; e Escola Municipal Professora Jarede Viana de Oliveira, no Clima Bom.

O Programa Nacional de Inclusão de Jovens – Projovem Urbano é um programa educacional destinado a jovens com 18 a 29 anos residentes em áreas urbanas que saibam ler e escrever mas que, por diversos motivos, tenham sido excluídos do processo de escolarização, não tendo concluído o Ensino Fundamental.

O Programa tem o objetivo de reintegrá-los ao processo educacional, elevar sua escolaridade e promover sua formação cidadã e qualificação profissional, por meio de curso com duração de dezoito meses.

Veja também  Governo oferta cursos profissionalizantes para jovens do Benedito Bentes

Segundo a coordenadora do Projovem Urbano, Solange Gouveia, o Município tem boas expectativas para o número de matriculados deste ano e, embora ainda não haja um número fechado de oferta de vagas, é importante que os interessados estejam atentos e se inscrevam o mais rápido possível para que não percam o prazo, a fim de garantir suas vagas.

“É importante que os jovens que se enquadrem na proposta do programa se inscrevam para que possam ter acesso a uma educação gratuita e de qualidade e, findado o prazo do curso, tenham uma formação profissional que os deixará aptos para o mercado de trabalho e que poderá proporcionar um leque muito maior de atuação neste meio”, disse, lembrando que, em Maceió, além da formação nas disciplinas comuns da grade curricular de ensino, os jovens saem capacitados a atuar nas áreas de Administração e Telemática, eixos trabalhados nos Arcos Ocupacionais.

Para se matricular no Projovem Urbano, os interessados devem comparecer aos locais de inscrição tendo em mãos cópia e original do seu RG, CPF, algum comprovante de residência e uma Declaração que comprove seu grau de escolaridade.

Alexandre Barbosa (Estagiário) / Ascom Semed

Compartilhe: